Vedacit Vedacit

ACREDITAMOS QUE O LUGAR DA MULHER É ONDE ELA QUISER.

DESDE UMA CONSTRUÇÃO ATÉ UMA DISPUTA MUNDIAL DE VOLEIBOL!

A ida do @voleinestle ao mundial representa a garra de milhões de mulheres que diariamente lutam pela igualdade social, política e econômica e a Vedacit não tem feito diferente, somos uma indústria que acredita e investe nessa igualdade. Estamos na torcida e no incentivo não só por esse mundial mas por mais espaço e liberdade para qualquer um estar onde merece estar. #asminaveda #oroleémeu

Time Nestlé Osasco

O Osasco Voleibol Clube, também conhecido pelo nome fantasia Vôlei Nestlé ou simplesmente como Osasco, é uma equipe brasileira de voleibol feminino da cidade de Osasco que atua na Superliga Série A.

Dois dias após a final da temporada 2008/2009, a direção do Finasa anuncia o encerramento das atividades da categoria adulta da Associação Desportiva Classista Finasa, visando concentrar-se nas categorias de base, o foco inicial do programa, assim como já é feito com o basquete. Porém, quatro dias depois, foi anunciada a formação de uma nova equipe adulta, através de um grupo de patrocinadores em parceria com a Prefeitura de Osasco.

Após meses de indefinição, a Nestlé, através da linha de produtos Sollys, é anunciada como nova patrocinadora da equipe para temporada 2009/2010, sendo denominado Sollys/Osasco. O anúncio marcou a volta da multinacional suíça ao voleibol feminino no Brasil, depois de 10 anos de ausência, quando deixou de patrocinar o Leites Nestlé, de Jundiaí.

Atletas do Vôlei Nestlé 2016/17 (MUNDIAL)

Zeni

Gabriela Sabino Zeni
Nascimento: 01/05/1997
Barueri-SP
Altura: 1,80
Posição: Levantadora
Número: 1

Carol Albuquerque

Carolina Demartini Albuquerque
Nascimento: 25/07/1977
Porto Alegre-RS
Altura: 1,82
Posição: Levantadora
Número: 2

Dani Lins

Danielle Rodrigues Lins
Nascimento: 05/01/1985
Recife-PE
Altura: 1,83
Posição: Levantadora
Número: 3

Bruna Neri

Bruna Marques Neri
Nascimento: 15/11/1992
Brasília-DF
Altura: 1,89
Posição: Ponteira
Número: 4

Malesevic

Tijana Malesevic
Nascimento: 18/03/1991
Uzice (Sérvia)
Altura: 1,85
Posição: Ponteira
Número: 6

Fê Campos

Fernanda Angélica Campos Batista
Nascimento: 30/09/1995
Brasília-DF
Altura: 1,80
Posição: Central
Número: 7

Paula

Ana Paula Borgo Bedani da Cruz
Nascimento: 20/10/1993
Bauru-SP
Altura: 1,87
Posição: Oposta
Número: 8

Saraelen

Saraelen Leandro Ferreira Lima
Nascimento: 16/04/1994
Goiânia-GO
Altura: 1,84
Posição: Central
Número: 9

Bjelica

Ana Bjelica
Nascimento: 03/04/1992
Belgrado (Sérvia)
Altura: 1,90
Posição: Oposta
Número: 10

Clarisse

Clarisse Benício Peixoto
Nascimento: 01/03/1987
Fortaleza-CE
Altura: 1,81
Posição: Ponteira
Número: 11

Gabi

Gabriella Guimarães Souza
Nascimento: 14/12/1993
Niterói-RJ
Altura: 1,73
Posição: Ponteira
Número: 12

Nati Martins

Natália Martins
Nascimento: 11/12/1984
Lorena-SP
Altura: 1,86Posição: Central
Número: 13

Tandara

Tandara Alves Caixeta
Nascimento: 30/10/1988
Brasília-DF
Altura: 1,84
Posição: Ponteira
Número: 16

Tássia

Tássia Sthael Teodoro Silva
Nascimento: 03/06/1988
Belo Horizonte-MG
Altura: 1,72
Posição: Líbero
Número: 19

Bia

Ana Beatriz Silva Correa
Nascimento: 07/02/1992
Sorocaba-SP
Altura: 1,88
Posição: Central
Número: 20

Comissão Técnica

Luizomar

Luizomar de Moura
Nascimento: 26/05/1966
Caruaru-PE
Cargo: Técnico

Jefferson

Jefferson Arosti
Nascimento: 17/11/1973
Santo André-SP
Cargo: Assistente Técnico

Spencer Lee

Spencer Lee Christian Fjos Driessen Van Dijk
Nascimento: 14/06/1969
Passos-MG
Cargo: Assistente Técnico

Marcelo

Marcelo Vitorino de Souza
Nascimento: 05/12/1981
Campinas-SP
Cargo: Preparador Físico

Thiaguinho

Thiago Menezes Moreira
Nascimento: 24/09/1981
São Paulo-SP
Cargo: Fisioterapeuta

Léo

Leonard Lopes Barbosa
Nascimento: 07/04/1982
Bezerros-PE
Cargo: Estatístico

Dr. Tiago

Dr. Tiago Fruges Ferreira
Nascimento: 19/03/1981
São Paulo-SP
Cargo: Médico

Dininho

Antônio Berardino dos Santos
Nascimento: 16/03/1969
São Paulo-SP
Cargo: Supervisor Técnico

Rafael

Rafael de Oliveira Martins
Nascimento: 03/07/1986
Osasco-SP
Cargo: Auxiliar de Treinamento

Everton

Carlos Everton Campista
Nascimento: 03/10/1984
Campos-RJ
Cargo: Auxiliar de Treinamento

Curiosidades do Mundial

O Mundial

O Campeonato Mundial de Interclubes de Vôlei Feminino, acontecerá em Kobe no Japão.
Oito clubes disputarão pelo título mundial, sendo dois brasileiros, dois turcos, dois japoneses, um suíço e um russo.

O regulamento:

  • Os campeões continentais (América do Sul, resto das Américas, África, Ásia, Europa, Oceania, um anfitrião e um convidado) têm direito a participar do torneio. Como alguns destes rechaçaram suas presenças, coube à Federação Internacional substituí-los.
  • Na 1a fase teremos dois grupos de quatro. Após jogarem entre si, os dois melhores de cada se enfrentam nas semifinais, cujos vencedores decidirão o título. O mata-mata será todo em partidas únicas.
  • O grupo A terá Vakifbank, Dínamo de Moscou, Rexona-SESC e Hisamitsu Springs. O B será composto por Eczacibasi, Voléro Zurique, Osasco e NEC Red Rockets.

Conheça o time adversário

Bicampeãs mundiais de 2015 e 2016, as turcas encerraram a temporada com o terceiro lugar na Champions League e com o quarto do Campeonato Turco. A dinastia planetária começou há dois anos com uma derrota diante do Hisamitsu Springs. Depois, se recuperaram superando rivais da Rússia e da Suíça para ficar com a taça. Ano passado, contra italianas, brasileiras, filipinas e turcas, a agremiação de Istambul faturou o título de forma invicta. A meio de rede brasileira Thaísa é um dos destaques do plantel.

Dos times brasileiros, apenas o Nestlé Osasco possui o título! \o/

Campeão asiático

Superando quadros de Cazaquistão, Indonésia, Taiwan, Tailândia e China, o NEC Red Rockets se credenciou para o Mundial. Foi seu primeiro título asiático que marcará sua inédita participação na disputa planetário. A equipe de Tóquio também faturou o Campeonato Japonês. Seu elenco é formado apenas por japonesas.

Para repetir 2012

Vice-campeão brasileiro, o Osasco recebeu um dos quatro convites da FIVB para participar do Mundial. A ausência da líbero Camila Brait será o grande desfalque das paulistas no Japão. Ela está grávida e anunciou que ficará fora das quadras após a final da Superliga. Para seu lugar, entra Tássia, que estava no Praia Clube de Uberlândia. As titulares que deverão atuar ao lado do novo reforço deverão ser Dani Lins, Malesevic, Bjelica, Nati, Tandara e Bia.

Vakifbank na briga pelo caneco

Campeão europeu pela terceira vez, o time aureonegro perdeu a semifinal da liga turca para o Galatasaray, que fará a final contra o Fenerbahçe. Além de contar com algumas das melhores jogadoras de seu país, o elenco conta ainda com a holandesa Slöetjes, a americana Hill e a chinesa Zhu Ting. As representações da Turquia são muito fortes e têm conquistado alguns dos últimos Mundiais, como em 2010 (com o Fenerbahçe), em 2013 (com o próprio Vakifbank) e em 2014 e 2015 (com o Eczacibasi).

Anfitriões tentam chegar às semifinais pela primeira vez

O Hisamitsu Springs só participará do Mundial por ser o anfitrião do torneio. As japonesas de Kobe estiveram nas últimas três edições do certame mas não alcançaram sequer as semifinais, terminando duas vezes em quinto lugar e uma em sexto. Na atual temporada, ficou com o vice-campeonato japonês.

Time Russo

O Dínamo de Moscou é o maior campeão europeu de todos os tempos. São onze taças em sua galeria mas a mais recente data de 1976/77. Nesta temporada, terminou o Europeu em quarto lugar. Base do forte esquadrão russo, o elenco também conta com a sérvia Crncevic, com a dominicana De la Cruz e com a croata Poljak. Engana-se quem pensa que a FIVB convidou a agremiação a troco de nada. A vaga seria do campeão nacional. Como as moscovitas superaram o Dínamo de Kazan na decisão, deu a volta olímpica e carimbou o passaporte para o Japão.

Time Suiço

Atual octacampeão suíço e octacampeão da Copa da Suíça, o clube jamais festejou um título continental e sequer chegou ao Final Four deste ano. Seu elenco conta com atletas de diversos países. Entre as brasileiras, temos Mari Paraíba e Fabíola.

Compromissos da Seleção

Depois do Mundial, encerra-se calendário de clubes da temporada 2016/17. O mercado de transações, que já está movimentado, promete se tornar ainda mais agitado.

As melhores atletas porém, não terão descanso e serão convocadas para a seleção brasileira. A primeira competição será o Montreux Volley Masters, na Suíça. Na sequência, teremos o tradicional Grand Prix e o Sul-Americano. O certame mais importante porém, será a Copa dos Campeões, que reunirá as melhores seleções do ranking de cada continente. Os participantes serão China, Coréia do Sul, Estados Unidos, Japão e Rússia, além do Brasil.

TABELA DA 1ª FASE

1ª Rodada

Terça-feira, 09 de maio

1ª Rodada

Dínamo de Moscou x Vakifbank
Voléro Zurique x Esczacibasi Istambul
NEC Red Rockets x Osasco
Hisamitsu Springs x Rexona-SESC

2ª Rodada

Quarta-feira, 10 de maio

2ª Rodada

Osasco x Eczacibasi
Rexona-SESC x Vakifbank Istambul
NEC Red Rockets x Voléro Zurique
Hisamitsu Springs x Dínamo de Moscou

3ª Rodada

Sexta-feira, 12 de maio

3ª Rodada

Dínamo de Moscou x Rexona-SESC
Voléro Zurique x Osasco
Eczacibasi x NEC Red Rockets
Vakifbank Istambul x Hisamitsu Springs

Acompanhe o Campeonato

Tag Board